quinta-feira, 30 de agosto de 2007

Hoje estou doente

Hoje estou doente.

Depois de me sentir estranho desde segunda-feira, saio mais cedo, chego a casa e o termómetro nos quarenta.
Não me lembrava de ter febres tão altas há uns bons anos, mas é uma coisa que sei suportar bem e creio que já andam por estes valores há uns bons dois dias.

Como sou gajo, e apesar de um historial complicado, ainda não me decidi ir ao médico nem meter uma pastilhinha na boca. Claro, ao comer kiwis e morangos e ao beber um litro de sumo de laranja, porque acho que a vitamina C tem um papel fundamental, os intestinos deram de si, assim que tive que sair do estaminé e vir para casa.
Decidi que amanhã também não vou trabalhar. Não tenho que me matar pelos outros. Chega de maltratar o meu corpinho e há que por-me fino porque o músico guerreiro ainda tem muito porque lutar.

Mas o que me pôs verdadeiramente doente foram duas notícias que li e que não posso aceitar. São notícias que não passam nos telejornais e só olhares mais atentos as descobrem porque fechamos os olhos ao que realmente vai mal no mundo.

OK, há a Carolina Salgado ou a noite do Porto que afinal é perigosa. Perigosa? Não. Perigosa é a nossa atitude perante os verdadeiros flagelos do mundo. E hoje falo-vos de um muito em particular, do qual muito se fala, mas não como deve ser – SIDA.


Pelos vistos uma larga quantidade de preservativos enviados para a África do Sul têm problemas devido à sua fraca resistência.Vinte milhões de preservativos foram postos em quarentena, colocando em risco a vida de milhares de pessoas num país já de si flagelado pela doença.


Pergunto-me eu, porque é que andamos a brincar com a humanidade e com a saúde das pessoas? Porque é que os preservativos que se distribuem na Europa, mesmo gratuitamente, são resistentes? Sim, porque aqui, no meu médico posso escolher preservativos de todos os tamanhos, formas e sabores sem ter que pagar o que quer que seja. Preservativos, lubrificantes, pílulas para quem não pode mas também para quem pode pagar.

Por essas e por outras é que eu nunca trouxe um kit para casa, e se quero preservativos compro-os, porque há quem não os possa comprar e não posso hipotecar o futuro de quem quer que seja ou ter alguma responsabilidade em que se enviem preservativos de fraca qualidade para países onde as pessoas não podem pagar, porque não podem pagar.

Já na Papua Nova Guiné, famílias com doentes de sida em fase terminal, enterram-nos vivos devido aos custos e esperança nula na recuperação destes doentes e porque estes já não podem olhar por si. E sim, porque neste país ainda há gente que não sabe como é que a doença se transmite ou se previne, porque remoto e pouco lucrativo, não cai nos olhos da cultura ocidental.


É por esta falta de vontade política e de valores morais da nossa cultura ocidental, em que temos tudo por garantido, que deveríamos pensar duas vezes antes de nos queixarmos das taxas moderadoras, comparticipação nos medicamentos, preservativos grátis,… porque os podemos pagar, como podemos pagar as nossas férias ou umas jantaradas com os amigos. Mas não, achamo-nos no direito que temos direito a tudo grátis.

Esquecemo-nos que quando aceitamos estas ajudas, estamos a diminuir o bolo das ajudas para os que realmente necessitam, porque estes sim, não podem pagar.

E apesar dos meus quarenta graus, da tosse insuportável e das dores da cabeça, são estas as razões porque estou realmente doente.

18 comentários:

Anónimo disse...

Melão constipado,tens que ir tirar um Raio X,a minha filha andou assim très dias e quando foi ao médico estava com um principio de uma pneumonia,e depois esteve sem fazer nada durante muito tempo.Tosse não é brincadeira nem febres altas podem atacar o cérebro,tens que tomar qualquer coisa para isso melhorar,olha que tu fazes muita falta ao pessoal de meloal.AS MELHORAS E TEM CUIDADO CONTIGO NÃO QUERO BEIJINHOS PODES PEGAR-ME A CONSTIPAÇÃO. FIFI

Diabba disse...

Fucka-se!!!! (olhos arregalados)

Enterrados vivos?? Nem um golpe de misericórdia nem nada??

Tb nunca levantei pilula grátis no Centro de Saude!

Recomendo o mesmo que à Famosa... limão sem açucar!

Todavia parece-me que a febre é excessiva, vai ao médico sff!

beijos distantes d'enxofre (sim que não quero constipar-me, tenho uma mini-diabbita para cuidar)

Actriz Principal disse...

Miúdo, deixa de te armar em forte e trata de ir ao hospital. Parece que queres apanhar uma lambada virtual...
Já eu, com 37º sinto-me a morrer. Mas isso é porque, como cobrinha que sou, tenho a temperatura muito baixinha.
Mas há-de passar.
As melhoras, palerma!
(É a ler textos como este que sinto que já estive mais longe de deixar tudo e ir para missionária)
Beijos!

caditonuno disse...

estar doente pelos outros é uma coisa que hoje em dia ninguém considera sério. já pensaste nisso? todos estao doentes,mas é de olharem por si mesmos abaixo, nao por ajudarem o próximo.

AEnima disse...

Gajo, podes estar "habituado" mas 40 graus e' muito grau! Cuidado. Vai ao medico.

Por acaso tb nunca levantei pilulas e preservativos gratis, mas parece-me que tambem que, quando nao ha procura, acaba-se com a oferta... e as vezes vejo muita procura e raramente pelas pessoas que realmente deviam procurar... outras vezes vejo as coisas estragarem-se por nao serem procuradas.

A calamidade de africa do sul ate ja foi ultrapassada em termos relativos... em absolutos ainda lidera, mas nao deve demorar nada para ser ultrapadassa pela India. Uma tristeza tao grande que sinto quando penso nisto... quando vejo os doentes, o que passam fisicamente e mentalmente... a dor, a angustia... Sabes... faz-me pensar 300 mil vezes antes de dar uma queca com alguem diferente...

Melões Melodia disse...

Fifi - ja estou bastante melhor, quase sem tosse e quase sem febre... ja sei como sou, o meu corpo reage violentamente contra qualquer infeccao, sempre foi assim, de qualquer forma, ja nos 37.5C deixo-me andar, se nao passar, vou enta ao medico. De qualquer forma, terca tenho consulta de rotina.
Deixo entao os bejinhos para quando estiver melhor.

Diabba - eu nao te mandei beijos e ainda assim a tua diabbita constipou-se ou algo parecido. As melhoras para o rebento.
quanto a febres, esta a passar e sem limao sem acucar...
(porque e que tem de ser sem acucar?)


Actriz - as melhoras para ti tambem - sim, ja te vejo missionaria... mas nao precisas de ir a lado nenhum para o ser, procura ai no teu canto e ves como ha uma imensidao de coisas que podes fazer, mesmo sem sair de casa ;-)

Caditonuno - pode ser uma maioria, mas eu nao generalizo, eu fico doente com isto, como tu ficaste doente com a situacao dos teus vizinhos, e sao problemas que nao sao nossos...
Abraco

Aenima - vou ao medico sim senhora - terca feira - estas febres ainda sao relativamente normais e explicadas, mas ja passou (ou quase). espero trazer boas noticias na terca - quero saber o que encontraram e se serve para alguma coisa.
quanto a procura e oferta, e estragos, tens toda a razao... mas isso e um segundo passo - depois de se estabelecer a verdadeira procura nos paises que podem dar, pode-se enviar o resto para os que so podem receber.
De resto, esta doenca estupida, parece-me ainda mais estupida porque muitas vezes e uma prenda de amor... e sim, tambem ja vi como e o fim.
Beijos

Anónimo disse...

A viagem correu bem apesar das arrelias que o Becas me dá sempre que vamos viajar desde desaparecer em Veneza ás 10 da noite hora de partida e último barco(afinal tinha ido descontraídamente telefonar ao nosso rebento),quando cheguei ao barco e não o vi foi só chorar de raiva e lá apareceu ele na boa quando todos o procuravam.Pois continuando fomos almoçar a Aveiro que está uma maravilha,e lá fomos.Entrada no Porto um engano e o caldo entornou novamente (ele não sabe perder)finalmente depois de muitas voltas chegamos ao Vila Galé onde o carro ficou arrumado até ao dia da saída para não haver mais guerras,mas, mesmo assim só consegui desfrutar verdadeiramente dos lugares que tinha na memória como os melhores da minha vida quando na manhã da partida estava a chuver e ele ficou no hotel (Deus ainda existe)e foi uma sensação maravilhosa rever lugares alguns completamente modificados outros iguais,mas muito degradados.Fiquei encantada com a ribeira dos dois lados.Andamos no autocarro da linha encarnada e da azul.gostei muito,depois na terça a viagem de comboio para a Régua e o regresso de barco,gostei de tudo,mas as emoçoes ficaram ao rubro ao atravessar todas as pontes e ver tudo de uma maneira nunca vista por mim (lagrimita teimosa).Na quarta regresso e comprinhas nas sapatarias (sou louca por sapatos pena ter só dois pés).Obrigada Melão por me teres feito lembrar que o Porto ainda existe,mas,sinceramente gosto mais de morar nas Caldas da Rainha e ter a minha quinta de ginjeiras e um jardim pequeno.Ainda bem que estás melhor.Saúde e um beijo FIFI

geocrusoe disse...

Sobre as causas físicas da doença, espero que sejam sanadas em breve e para isso é preciso a tua cooperação, indo ao médico. Quanto às causas sociais da doença, infelizmente dois exemplos dos muitos que quem olha o mundo com alguma atenção e pergunta à sua consciência vê, Infelizmente são tantas, umas mais chocantes, como a da Papua, outras menos, mas algumas são mesmo fruto do egoísmo e hipocrisia da nossa sociedade liberal e democrática e parecem não ter mesmo tratamento... às vezes fico aterrorizado connosco mesmo.

Melões Melodia disse...

FiFi - fico muito contente que tenhas gostado da tua visita ao Porto e ao Douro - afinal eu cresci entre o Porto e o Douro.
Entendo que gostes mais das Caldas, mas para mim o Porto e o Porto... uma cidade para ser vivida...
Beijos

Geocrusoe - a doenca fisica esta quase curada. Infelizmente a outra longe disso, e dificil encontrar uma solucao porque estamos demasiado ocupados a olhar para os nossos umbigos... e por isso tambem me aterroriza.
Abraco

Anónimo disse...

Bom ainda não tinha respondido a este tema porque na realidade não estava com inspiração para o fazer.Este assunto é muito complicado,por vezes não são os preservativos serem de boa ou má qualidade,também a maneira como são utilizados também conta pois que eles não são própriamente a nossa pele e temos que ser moderados nas fricções na maneira de o colocar e retirar(esta é a mais importante podem rebentar),pois não basta tirar simplesmente,temos que lavar os ditos e as maõs,porque servem de transmissores e até nós que somos cultos podemos contar pelos dedos quantos fazem o trabalho bem feito.Para mim os culpados são os governantes desses países que para eles o ser humano é um simples objecto.Tristes os que nascem nesses países e não sabem que são gente.Agora não tenho tempo,mas, escrevi algo sobre este assunto e outros parecidos tenho que procurar.Para a próxima quero um tema cheio de alegria senão não respondo.FIFI (Por exemplo para que servem as cerejas?)

Melões Melodia disse...

Fifi - concordo parcialmente, o problema nao esta so nos governantes desses paises, mas tambem nos governantes dos "nossos" ja que os nossos tem muito poder para fazerem as pressoes certas, mas nao interessa, ou porque nao da lucro, ou porque assim os bens de consumo vem muito mais baratos.

E sim, veremos se consigo animar um pouco este canto.
beijinhos

fragmentos culturais disse...

Os governos e os politocratas não estão interessados em resolver os graves problemas que afligem a Humanidade!
Estão sim preocupados em defender o 'seu poder' a qq preço!

Tanta injustiça, tanta fome, tanta doença provocada por falta de condições mínimas de existir!!!

Os telejornais falam disso??? NÂO... isso ñ alimenta 'audiências'!! A 'Carol' Salgado e outras 'light real show' sim!

abraço

Melões Melodia disse...

Fragmentos culturais - ja sabemos que essa gente so falta do que realmente nao incomoda e vende, sem significar ter que gastar dinheiro...
e que o poleiro e meu e so meu
mas isto um dia ha-de acabar (pelo menos espero)
abraco

Rm disse...

Foi esta noticia que originou o meu BLOG!!Como é possível, no Séc. XXI, mesmo em África acontecer coisas destas??E realmente estas noticias não saem na comunicação social!!! deve ser para não incomodar as pessoas mais susceptíveis ?ou incomoda a ignorância de alguns?Os africanos ainda pensam que foi o branco que introduziu o VÍRUS no preservativo e por esse facto não o usam!!!
enfim.....
parabéns pela edição da noticia e bem ajas!!!!

Melões Melodia disse...

RM - eu acho realmente que e porque nao vendem - a sociedade de hoje e muito fechada e centrada no seu umbigo. Infelizmente, ja ninguem se deixa chocar com as terriveis imagens que nos chegam do flagelo da sida em Africa ou de genocidio no Ruanda... dizemos, sao la os outros, estao longe. Mas nos sabemos que nao e assim e temos muita sorte por termos nascido no pais onde nascemos.
Abraco

Rm disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rm disse...

As melhoras!!!

Abraços

Melões Melodia disse...

RM - assim de repente e num espaco de minutos ja tens foto... muito bem...
Obrigado!
Disse-me hoje o medico que sao uns dez dias...